Seja bem-vindo(a) ao Site Oficial do Santuário São Geraldo Majela         -         Itabira, Minas Gerais - 09 de dezembro de 2021         -         Acesse nossas redes socais

Itabira, 09 de dezembro de 2021

48 anos sob os cuidados de Nossa Senhora da Penha

23/03/2021 . Notícias da Paróquia

A Paróquia Nossa Senhora da Penha, em Itabira, vivenciou entre os dias 16 a 19 de março de 2021, um tríduo e festa em ação de graças pelos seus 48 anos de instalação. O momento atual mais uma vez não permitiu que nossa igreja estivesse repleta de fieis paroquianos, mesmo seguindo as orientações sanitárias e diocesana, devido o agravamento da pandemia da COVID-19. As celebrações foram realizadas contando com a presença apenas da equipe de liturgia, e os fieis, de casa, puderam participar pelas transmissões pelas novas mídias, redes sociais de nossa paróquia.

O tríduo teve início na terça-feira, dia 16, com a celebração eucarística às 19h, no Santuário São Geraldo Majela. Na quarta e quinta-feira, 17 e 18 de março, a santa missa aconteceu na Igreja Matriz Nossa Senhora da Penha, sede da Paróquia. Todas as celebrações foram presididas pelo pároco Padre Ueliton Neves da Silva. A comemoração dos 48 anos foi celebrada na sexta-feira, 19 de março, dia em que também a Igreja celebrou a solenidade de São José. A celebração eucarística aconteceu na Igreja Matriz Nossa Senhora da Penha, presidida também pelo pároco Padre Ueliton Neves da Silva.

Em sua homilia, o pároco demonstrou esperança em celebrar com a presença de todos fieis os 50 anos de criação da paróquia: “Desde o ano passado decidimos fazer esta caminhada em preparação para a Festa do Jubileu Áureo, 50 anos de criação de nossa paróquia, que será celebrada em 19 de março de 2023. Já estamos preparando o nosso coração, as nossas comunidades, pastorais e movimentos para que possamos celebrar uma grande festa” e continuou: “Nós, ao celebrarmos este momento de 48 anos de nossa paróquia, elevamos o nosso coração agradecido a Deus por primeiro nos ter chamado a vida e depois por nos ter concedido Maria por Mãe e por padroeira, venerada com o título de Nossa Senhora da Penha. Que ela nos auxilie e nos acompanhe em toda nossa vida”, concluiu.

Unidos estávamos através das mídias sociais celebrando este momento especial em nossa história. Muitos comentários durante as transmissões demostravam unidade entre nossos paroquianos, cada qual em sua casa, a igreja doméstica, vivendo a felicidade deste momento e manifestando a comunhão eclesial.

História da Paróquia

O terreno (chamado máquina de fazer café) foi doado pelo senhor “Luiz Machadinho” (dono de grande extensão de terra) e em meados de 1955 foi lançada a pedra fundamental para a construção da “Capela”, dando início em 1956. Em regime de mutirão, os moradores da Vila Piedade, homens, mulheres, jovens e crianças empenharam-se nesta tarefa de construírem a tão sonhada capela em honra a Nossa Senhora da Penha. O senhor Vicente Gonzaga, era um dos responsáveis pela obra, dentre outros colaboradores. Além da ajuda dos moradores, o empresário Diogo Bethônico e o prefeito Daniel José de Grisolia muito ajudaram financeiramente para a construção. Era sacerdote na época o Cônego José Lopes Magalhães (Zé Lopinho, nome carinhoso) também vigário na igreja de Nossa Senhora da Saúde. O senhor “Brasinho” fez a doação da imagem de Nossa Senhora da Penha e senhor Alcides Frederico doou a imagem do Sagrado Coração de Jesus. O sino foi doado pelo senhor Francisco Alves. O sacrário dourado foi doado por Dona Quininha.

Em 19 de março de 1973, a Igreja de Nossa Senhora da Penha foi instituída sede da Paróquia, em missa presidida pelo saudoso Dom Mário Teixeira Gurgel. Na mesma ocasião tomou posse como seu primeiro pároco o Cônego José Lopes Magalhães.

Depois de muitos anos de edificação da igreja sede da paróquia, vimos a necessidade urgente de uma reforma. Em março de 2018 iniciamos a reformar toda a igreja matriz, tomando o cuidado de não descaracterizar nossa igreja. O desafio foi muito grande diante do estado que a igreja se encontrava. Foi necessário um empenho muito grande de todos na realização de diversas campanhas para obtermos os recursos necessários. Graças ao bom Deus, auxiliados pela Virgem Maria e com o apoio de todos os paroquianos, concluímos e reinauguramos nossa igreja matriz em dezembro do mesmo ano, em missa presidida solenemente pelo pároco Pe. Ueliton Neves da Silva. Depois de uma linda procissão que saiu da Comunidade São Geraldo, o rito de inauguração teve início do lado externo, onde houve o descerramento da placa inaugural, dando continuidade do lado interno. Na mesma cerimônia foram abençoados o novo Altar, Ambão, Cristo Crucificado e abençoada a nova capela do Santíssimo. Antes da reforma da Igreja Matriz, em 2017 passou por uma grande reforma a Secretaria Paroquial e algumas intervenções na Igreja Sagrado Coração de Jesus. Muito já se pode fazer no Santuário São Geraldo e estamos realizando as obras dentro das nossas condições e de acordo com as doações de nossos benfeitores. Atualmente se encontram em reforma as seguintes igrejas: São Geraldo, no Major Lage de Baixo; Nossa Senhora das Graças, no Oliveira Castro e São José, no Ribeirão São José de Baixo.

Atualmente nossa paróquia é composta por 13 comunidades eclesiais, 6 na zona rural (Comunidade São José, Ribeirão São José de Baixo; Comunidade Nossa Senhora Aparecida; Ribeirão São José de Cima; Comunidade São Pedro, Pedros; Comunidade Nossa Senhora das Graças, Oliveira Castro; Comunidade São João Bosco, Laboraux e Comunidade Santo Antônio de Santa’Ana Galvão, Engenho) e 7 na zona urbana (Matriz Nossa Senhora da Penha, Vila Piedade; Comunidade São Geraldo Majela, Bairro Major Lage de Baixo; Comunidade Sant’Ana, Bairro Juca Rosa; Comunidade São Cristóvão, Bairro São Marcos; Santuário São Geraldo Majela, Esplanada da Estação; Comunidade Sagrado Coração de Jesus, Bairro Praia e Comunidade São Judas Tadeu, Bairro Colina da Praia).

Muitos padres passaram pela paróquia nestes 48 anos: Padre José Lopes Magalhães (1973 a 1974), Padre Joaquim Santana de Castro (1974), Padre Basílio Westgeest (1974 a 1979), Padre Pedro Paulo Pessoa (1979 a 1982), Padre Geraldo Barreto Trindade (1983), Padre Rafael Dhondt, CICM (1984 a 1988), Padre Juliano Vandevoorde, CICM (1988 a 1997), Padre Elson Vital dos Reis (1997), Padre Taumaturgo Assis de Oliveira (1998 a 2005), Padre Rogério Baumann Hernandes (2005), Padre Renato Menezes Cruz (2005 a 2009) e Padre Cleverson Francisco da Silva Pinheiro (2009 a 2016). Desde janeiro de 2017 a paróquia está sob a administração do Padre Ueliton Neves da Silva, que tomou posse em 23 de janeiro de 2017 como administrador paroquial e em 12 de outubro de 2018, Solenidade de Nossa Senhora Aparecida, como pároco. Desde fevereiro de 2019 contamos também com a presença do Padre Edson Vander Gonçalves, como Vigário Paroquial.

Com a proteção de nossa padroeira Nossa Senhora da Penha, trazemos em nossos corações a certeza de que até aqui o Senhor nos conduziu e certamente daqui pra frente também nos conduzirá, para juntos celebrarmos os 50 anos de existência de nossa paróquia.

Queremos agradecer a Deus pelos frutos gerados ao longo desse tempo, assim como também a todos fiéis paroquianos, lideranças comunitárias e pastorais. Enfim, agradecemos todas as pessoas que fizeram e fazem história em nossa caminhada evangelizadora, missionária e pastoral.

Itabira, 22 de março de 2021.

Pastoral da Comunicação
Paróquia Nossa Senhora da Penha – Itabira